13 dezembro 2014

ONU lança Década Internacional para Afrodescendentes


A ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República (Seppir/PR) Luiza Bairros, manifestou sua satisfação pelo lançamento da Década Interacional dos Afrodescendentes, durante coletiva na última quarta-feira, dia 10 de dezembro, em Nova York. “Consideramos uma ocasião propícia para que todos os países membros das Nações Unidas renovem seu compromisso com a igualdade racial no mundo”, declarou.  No Brasil vivem cerca de 100 milhões de afrodescendentes e conforme Luiza a situação desse segmento tem melhorado nos últimos anos, a partir de um acesso à educação e ao emprego.
Já, na coletiva de imprensa, a responsável pelo Grupo de Trabalho da ONU sobre pessoas de descendência Africana, Mireille Fanon-Mendes, lamentou que muitos são marginalizados, invisibilizados por terem a cor negra de pele. “Precisamos de um planeta onde predominem o reconhecimento, a justiça e o desenvolvimento para todos os seres humanos”, afirmou.
 De acordo com a integrante do Grupo, a jamaicana Verene Shepard, o objetivo de dedicar o decênio 2015-2024 aos afrodescendentes é concluir o ano em uma situação bem diferente do atual. Verene recordou que o problema da discriminação é muito complexo, por ter suas raízes em séculos passados, em fenômenos enraizados na colonização.

Texto: Júlia Bernardi, com informações da Prensa Coletiva

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hot Sonakshi Sinha, Car Price in India